top of page
  • Foto do escritor

2024 Tendências do Marketing B2B



O ano novo está chegando e com certeza to das terão impacto direto ou indiretamente em seus negócios.


O caminho da desMarketização: “O bom marketing é o que não parece marketing”


O mundo B2B sofre com um problema sério estrutural, onde seus vendedores e profissionais de marketing digital fizeram as pessoas criarem bons anticorpos contra suas próprias maquinações.

Chegamos a um momento onde a naturalidade vai prevalecer. Será necessário dar nossas caras e mostrar defeitos, mas ao mesmo tempo sermos mais autênticos.

Por isso há toda uma esfera de investimentos e preparo por trás do marketing de conteúdo, da comunicação da empresa e na criação dos vídeos, que continuarão em alta nos próximos anos.

Se você se comunicar com seu público usando uma linguagem mais informal, mesmo que esteja criando posts, escrevendo e-mails ou configurando seu chatbot, você ajudará a quebrar barreiras e vai se conectar melhor com seus potenciais clientes.

É arriscado? Com certeza, mas manter todos seus planos de vendas e prospecção do jeito que estão está bem longe da eficiência que queremos.


Brasil, o país das PMEs

Hoje no Brasil temos cerca de 20 milhões de PMEs (pequenas e médias empresas), sendo que destas, sendo que destas 15 milhões são MEI.

Mas um fato interessante é que nem sempre elas são levadas em consideração como deveriam.

Ano a ano o número de pequenos negócios e pessoas que fogem de empregos tradicionais cresce e cria uma avalanche de novas empresas B2B que possuem sede de crescimento. Começam pequenas, mas possuem potencial de ao menos, contratar e necessitar de serviços de outras empresas B2B.

Uma aposta para 2024 pode ser um foco maior nessas empresas, que possuem muita representatividade no Brasil, e que ainda que sejam pequenas contas, podem alavancar as vendas de qualquer empresa B2B que já está no mercado.

E os donos e tomadores de decisões dessas empresas costumam estar em canais que ainda são pouco explorados no Brasil, como o Linkedin. É como o Ricardo Amorim falou recentemente, quando se trata de Linkedin, as empresas estão deixando dinheiro na mesa.


O começo do “segundo estágio” no mundo do compliance


Com regulamentações de privacidade em constante evolução, a conformidade com as leis de proteção de dados será crucial para manter a confiança dos clientes no universo B2B.

Aos poucos estamos saindo da fase de adaptação para uma fase onde questões como LGPD e privacidade se tornam cada vez mais críticas, podendo resultar em grandes perdas e processos quando não são respeitadas.

Mais pessoas agora querem aprender sobre isso e até mesmo tiram certificações para poderem operar ou trabalharem com compliance de dados e de informações nas empresas.


Chatbots e assistência virtual aprimorada


O Chat GPT foi o primeiro passo da evolução. Agora teremos muitas outras esferas que vão se alterar com as possibilidades da inteligência artificial.

Comentei logo no começo do artigo de hoje sobre os pesquisadores e especialistas nessas ferramentas de inteligência artificial. Só que agora quero dar destaque a um em específico, que vai ajudar muitas empresas: o robô de suporte e de assistência. 

Muitos trabalhos são humanamente estúpidos ou repetitivos, e a evolução natural das coisas é deixar um robô fazer o trabalho pela gente. 

Para 2024 em diante, as empresas vão poder cortar custos com o suporte de empresas que estão desenvolvendo robôs com a ajuda da IA.

Portanto, algumas funções de marketing, suporte, e de outras áreas das empresas vão começar a ser feitas por esses robozinhos, mas com certeza o primeiro a ser dominado por eles vai ser a parte de suporte e atendimento!


Personalização em tempo real


O marketing em tempo real, com base no comportamento do usuário, se tornará mais comum, permitindo mensagens altamente personalizadas. 

O avanço de tecnologias e da conectividade 5G vai permitir que as fronteiras do que a gente conhecia até então mudem drasticamente.

Isso permite a criação de campanhas mais contextualizadas, que se ajustam instantaneamente às necessidades e desejos do público. Ao oferecer mensagens, ofertas e experiências específicas para cada indivíduo em tempo real, as marcas não apenas aumentam a relevância de suas comunicações, mas também fortalecem a fidelidade do cliente, criando laços emocionais mais profundos. 

A personalização em tempo real não é apenas uma estratégia, mas uma evolução fundamental no marketing moderno, promovendo uma conexão mais autêntica entre marcas e consumidores

O marketing B2B pode entrar em uma onda de personalização e da melhor leitura e uso de dados de usuários. E isso é mais fácil em uma realidade onde mais pessoas estão conectadas e onde existem mais dispositivos de IoT (internet of things) espalhados pelas ruas e cidades em geral.

3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page